Consultoria Familiar e Parental

A mediação familiar é uma técnica de natureza transformadora, conduzida por alguém exterior, imparcial e qualificado, cuja finalidade é auxiliar as partes no retorno ao diálogo, facilitando a resolução de conflitos próprios da separação, com especial atenção aos filhos.

Ver mais

Relação conjugal ≠ Relação parental

Seguindo-se o princípio básico da Teoria Familiar Sistêmica de que os sistemas se influenciam mutuamente, podemos considerar que conjugalidade e a coparentalidade se desenvolvem de forma interdependente., e muitas vezes, conflitos não resolvidos entre os casais, são transportados para dentro da área da educação parental, porque o casal não consegue separar as funções parentais das funções conjugais.

Ver mais

Alienação Parental – O que é isso?

O desafio de advogados e mediadores familiares passa, na maioria das vezes, por tentar consciencializar pais e familiares para o facto de que o fim da relação conjugal, não pode ou não deve implicar, o fim da relação parental e que toda a criança deve ter o direito e a oportunidade de ela própria construir a imagem dos seus progenitores, libertando-se dos olhares conflituosos, amargurados e distorcidos, que muitas vezes, o fim do casamento acarreta.

Ver mais